O que é DDS e por que ele é tão importante para a Segurança do Trabalho?


Quando falamos sobre Segurança do Trabalho, devemos estar cientes de que estão envolvidos diversos fatores. Um desses é o fator humano, que possui a comunicação como um dos pontos mais importantes a serem abordados. É exatamente disso que o DDS, ou Diálogo Diário de Segurança, se refere.

O que é o DDS?

O Diálogo Diário de Segurança tem como objetivo despertar nos colaboradores uma conscientização em relação a suas atividades diárias em prol da segurança, saúde, meio ambiente e qualidade das mesmas. Ou seja, o DDS tem como finalidade informar os trabalhadores sobre os procedimentos de segurança para o trabalho, assim como divulgar medidas de prevenção de doenças e acidentes que precisam ser adotadas. Muitas vezes também vai além, assegurando que os funcionários também façam a diferença na sociedade, seja no meio familiar ou social.

 

botao-segredo-cultura

 

Por que o DDS é importante para a Segurança do Trabalho?

A falta de conhecimento é um dos fatores determinantes que muitas vezes pode comprometer a segurança de um ambiente de trabalho. Por isso, o DDS é responsável por garantir que os indivíduos tenham mais consciência, sejam responsáveis e cumpram as normas da empresa.

 

É uma ferramenta de suma importância e tem cada vez mais espaço entre os técnicos de segurança do trabalho por ser simples e eficiente.

 

DDS tem como finalidade informar os trabalhadores sobre os procedimentos de segurança para o trabalho.

DDS tem como finalidade informar os trabalhadores sobre os procedimentos de segurança para o trabalho.

Principais vantagens do DDS

– Reduz o número de acidentes no trabalho

– Reduz o custo com assistência médica

– Melhora a produtividade e o ambiente de trabalho

– Aumenta o comprometimento de todos

– Aumenta a satisfação e a segurança dos colaboradores

No artigo Saiba por que a Segurança do Trabalho pode aumentar a produtividade exemplifica muito bem este assunto citado acima.

 

Dicas para implementar um bom DDS

  1. Faça o DDS ser rápido, não passando dos 20 minutos;
  2. Incentive o grupo e deixe claro a importância de todos interagirem;
  3. Escolha temas interessantes e atuais, com apresentação de exemplos, situações comuns e linguagem envolvente;
  4. Os temas também precisam ser bem objetivos e de fácil compreensão a todos;
  5. Não hesite em levar pessoas de outras áreas para tratar de assuntos pertinentes e que agreguem algum tipo de incentivo;
  6. Como o próprio nome já diz, o DDS pode ser diário, mas nada impede que você encontre uma periodicidade mais apropriada para todos;
  7. Crie um calendário de encontros e divulgue os assuntos para que todos fiquem bem informados;
  8. Utilize os últimos minutos de cada DDS para concluir a ideia inicial;
  9. O DDS precisa ser registrado, de acordo com a NR-1. Anote cada tema apresentado durante os encontros (evitando, assim, repetições) e faça uma lista de presença contendo data, duração, local e número de participantes.

FONTE: INBEP

envolver-gestão-e-empregados-na-seguranca-no-trabalho

Autor: Reginaldo Pedreira Lapa
Engenheiro de Minas e de Segurança do Trabalho
Diretor da RISKEX

 

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *