A função dos gestores na construção de um ambiente de trabalho seguro

É função dos gestores realizar a implementação e colocar em prática todas as normas, procedimentos e programas de uma empresa. Isso vale também, é claro, para quando tratamos sobre o processo de garantir um ambiente de trabalho seguro e sem riscos.

A função dos gestores começa desde a seleção dos profissionais da empresa e vai até a determinação de regras e elaboração de uma boa comunicação entre as equipes. Comunicação que é fundamental para garantir a qualidade dos serviços exercidos, a produtividade e o controle de riscos – consequentemente, prevenindo acidentes de trabalho que possam comprometer a integridade física e psíquica dos funcionários. Em se tratando de comunicação, leia o artigo O que é DDS e por que ele é tão importante para a Segurança do Trabalho.

Quando a empresa possui uma liderança bem definida nesses aspectos, só tem a ganhar em questão de segurança, servindo inclusive de exemplo para todos. Cabe aos gestores  atuar de modo conjunto com os demais funcionários em prol de um ambiente de trabalho seguro!

envolver-gestão-e-empregados-na-seguranca-no-trabalho

Deveres dos gestores  na Segurança do Trabalho

  • Os gestores devem assumir a segurança e saúde no ambiente de trabalho como um dos prontos centrais da organização da empresa;
  • Todas as determinações em relação à segurança dos funcionários precisam ser estabelecidas e intensamente divulgadas pela empresa, aplicando-as de maneira consciente e como prioridade;
  • Os gestores devem assegurar para que as normas sejam colocadas em prática; (Leia mais neste artigo O que são e para que servem as Inspeções de Segurança)
    Quando a empresa possui uma liderança bem definida nesses aspectos, só tem a ganhar em questão de segurança, servindo inclusive de exemplo para todos.

    Quando a empresa possui uma liderança bem definida nesses aspectos, só tem a ganhar em questão de segurança, servindo inclusive de exemplo para todos.

  • Cabe ao gestor ter uma ampla visão dos funcionários e fomentar a identificação dos riscos de cada atividade exercida;
  • Comunicar-se abertamente em todos os níveis organizacionais é essencial para a segurança do trabalho. Portanto, é necessário dar oportunidade para que as equipes se expressem com opiniões e ideias sobe o assunto, incentivando a participação de todos para a prevenção de quaisquer riscos de acidentes;
  • Quando certas atividades e funções exigirem, é obrigatório fornecer todos os Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) e de Proteção Coletiva (EPCs), além de instruir sobre como devem ser utilizados e sua importância;
  • É também papel dos gestores proporcionar cursos preparatórios para que cada um de seus funcionários saibam exatamente como executar a tarefa no dia a dia da empresa, levando a sério, assim, a segurança de toda equipe.
  • Como pode ver, os gestores devem estar amplamente envolvidos na construção de um ambiente de trabalho seguro. É deles que a “iniciativa” precisa surgir, não só por obrigação, mas também por bom senso, já que segurança é um assunto de interesse de todas as partes!

FONTE: INBEP

botao-fap

Autor: Reginaldo Pedreira Lapa
Engenheiro de Minas e de Segurança do Trabalho
Diretor da RISKEX

 

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *