Prevenção de acidentes, por que as empresas relutam em investir?

Infelizmente, no Brasil e até mesmo no mundo inteiro, ainda existem empresas que veem as despesas em segurança no trabalho e prevenção de acidentes como “apenas” um custo a mais. Quando, na prática, a realidade é bem diferente. A segurança ocupacional e ambiental deve ser vista como um centro de lucro!

Com a implementação de um sistema de prevenção de acidentes, as empresas têm a oportunidade de reduzir custos, uma vez que os gastos derivados de acidentes de trabalho trazem inúmeros danos às organizações – seja na esfera cível ou trabalhista. É possível encontrar até mesmo casos de empresas que tiveram de decretar falência por causa de diversas indenizações por acidentes de trabalho.

prevenção de acidentes

É possível encontrar até mesmo casos de empresas que tiveram de decretar falência por causa de diversas indenizações por acidentes de trabalho.

Ainda existem uma mentalidade atrasada tanto de gestores quanto de trabalhadores de que a segurança no trabalho é desnecessária. E isso é algo que precisa ser mudado para termos um futuro comprometido com a segurança. O cuidado com essa segurança é uma necessidade que cresceu devido ao aumento de riscos de acidentes nos ambientes profissionais em virtude das transformações do mercado de trabalho, com cada vez mais equipamentos tecnológicos.

Portanto, é importante falar sobre ações de Saúde e Segurança no Trabalho (SST) e convertê-las em resultados práticos, treinando profissionais de segurança para que sejam consultores internos e não “extintores de incêndio”. Ou seja, o desafio é estabelecer a integração da gestão de Segurança e Saúde no Trabalho com as atividades voltadas para a qualidade e para o meio ambiente. Leia um artigo que trata justamente da Função dos gestores na construção de um ambiente de trabalho seguro.

 

“Não é o mais forte que sobrevive, nem o mais inteligente, mas o que melhor se adapta às mudanças”. – Charles Darwin

 

Princípios fundamentais da Segurança e Saúde no Trabalho

– Empenhamento e liderança para melhorar a SST;

– Procedimentos e políticas eficazes em matéria de SST;

– Programas proativos de avaliação de riscos;

– Trabalhadores competentes e com formação;

– Medidas eficazes de controle dos riscos;

– Processos de acompanhamento e avaliação contínuos.

 

Grandes empresas reconhecem a importância da Segurança do Trabalho

A verdade é que quem mais investe em prevenção de acidentes são as grandes organizações, pois elas estão cientes da diferença que faz para a sua própria imagem e reputação. Com práticas de gestão e comunicação, essas empresas não relutam em se responsabilizar pelos riscos, sendo que podem ter um grande impacto econômico, social e ambiental.

 

Vantagens das empresas que investem em prevenção de acidentes

– Reduz riscos e indenizações;

– Aumenta consideravelmente a produtividade;

– Motiva e melhora a o comprometimento dos colaboradores;

– Melhora as condições gerais do ambiente de trabalho;

– Reduz os afastamentos dos funcionários;

– Atende aos requisitos legais;

– Demonstra responsabilidade social e de sustentabilidade;

– Atrai confiança de investidores.

botao-fap

 

 

 

 

 

 

 

Autor: Reginaldo Pedreira Lapa
Engenheiro de Minas e de Segurança do Trabalho
Diretor da RISKEX

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *